[Resenha] A morte e vida de Charlie st. Cloud - Ben Sherwood

08:13

Nome: A morte e vida de Charlie st Cloud

Título original: The death and life of Charlie st Cloud
Editora: Novo Conceito
Autor (a): Ben Sherwood
Ano: 2004
Nº de páginas: 295
Avaliação: 

Um coração dividido entre dois mundos. Em uma pacata vila de pescadores da Nova Inglaterra, Charlie St. Cloud cuida dos gramados e monumentos de um antigo cemitério onde seu irmão mais jovem, Sam, está enterrado. Após sobreviver ao acidente de carro que tirou a vida de seu irmão, Charlie recebe um dom extraordinário: ele consegue enxergar, conversar e até mesmo brincar com o espírito de Sam. É neste mundo místico que entra Tess Carroll, uma cativante mulher treinando para navegar sozinha ao redor do mundo em um veleiro. O destino faz com que seu barco seja apanhado por uma violenta tempestade, trazendo-a assim para a vida de Charlie. Sua bela e incomum ligação os leva a uma corrida contra o tempo e a uma escolha entre a vida e a morte, entre o passado e o futuro, entre apegar-se ou deixar o passado para trás – e a descoberta que milagres podem acontecer se nós simplesmente abrirmos nossos corações.













Uma história sobre amor, milagres e segundas chances

     A morte e vida de Charlie st. Cloud pode à primeira vista parecer chato, entediante, etc... Mas na verdade é uma ótima leitura, e me surpreendeu bastante. O Ben Sherwood criou um enrredo diferente e interessante, ele apresenta os personagens ao leitor, e junto com a discrição ele mostra um momento marcante da vida de cada um deles, o que faz o leitor se aproximar dos personagens mais rápido. 
Por ter três narradores principais, o leitor fica por dentro de todos os lados da história, e eu realmente adoro quando os livros são assim, fica mais fácil de entender o que está acontecendo.
    
       Charlie e Sam são o exemplo da união entre irmãos, mas infelizmente um grave acidente acaba levando Sam do mundo dos vivos, mas Charlie não aceita o fato de ter sobrevivido e se culpa pela morte do irmão - já que era ele quem estava ao volante. Após a morte de Sam, Charlie vai trabalhar no cimitério e perde anos da sua vida preso a uma promessa que fez ao caçula.
Acontece que antes dessa reviravolta que mudou completamente st. Cloud, ele tinha prometido ao irmão que eles iam treinar todos os dias ao por do sol, e ele cumpre essa promessa. Todos os dias Charlie treina com Sam (ou o fantasma dele, entenda como quiser).

     A relação entre Charlie e Sam, serve para mostrar ao leitor que quando existe amor de verdade a pessoa é capaz de perdoar - e compreender - até mesmo os maiores erros.

      Tess Caroll é uma garota determinada, e o que eu mais gosto nela é a força de vontade que ela demonstra ao lutar pelo que realmente quer. Nos primeiros capítulos que ela narra a história é um pouco parada e pode deixar o leitor entediado mais ao decorrer da história ela ganha um ritmo bom para a leitura.

        A morte e vida de Charlie st. Cloud  é uma ótima leitura para quem gosta de histórias de vida após a morte e afins, mas para quem não curti muito esse gênero, pode ler pensando em um romance, mas de uma forma ou de outra qualquer leitor vai se identificar com pelo menos uma parte do livro.

You Might Also Like

3 comentários

  1. Não gostei muito desse livro :/
    Mas amei o filme.

    ResponderExcluir
  2. eu amei o livro, chorei muito...
    adorei sua resenha

    ResponderExcluir
  3. Prefiro o filme :/
    A narrativa do livro é meio chatinha

    ResponderExcluir

Subscribe