[Resenha] Em chamas, The hunges games #2 - Suzanne Collins

02:00

Nome: Em chamas
Título original: Cathing Fire
Autor (a): Suzanne Collins
Nº de páginas: 413
Avaliação: 
Trilogia: The hunger Games #2

Depois da improvável e inusitada vitória de Katniss Everdeen e Peeta Mellark nos últimos Jogos Vorazes, algo parece ter mudado para sempre em Panem. Aqui e ali, distúrbios e agitações dão sinais de que uma revolta é iminente. Katniss e Peeta, representantes do paupérrimo Distrito 12, não apenas venceram os Jogos, mas ridicularizaram o governo e conseguiram fazer todos - incluindo o próprio Peeta - acreditarem que são um casal apaixonado. A confusão na cabeça de Katniss não é menor do que a das ruas. Em meio ao turbilhão, ela pensa cada vez mais em seu melhor amigo, o jovem caçador Gale, mas é obrigada a fingir que o romance com Peeta é real. Já o governo parece especialmente preocupado com a influência que os dois adolescentes vitoriosos - transformados em verdadeiros ídolos nacionais - podem ter na população. Por isso, existem planos especiais para mantê-los sob controle, mesmo que isso signifique forçá-los a lutar novamente.













   Contém spoiler do primeiro livro

   Creio que a palavra surpreendente ainda não esteja na altura deste livro, porém, não consegui encontrar outro adjetivo que pudesse ser usado. Mas a continuação de Jogos Vorazes é tão instigante quanto o próprio, se não ainda melhor.


   Quando Katniss achou que finalmente teria uma vida mais tranquila e materialmente confortável, tanto para ela mesma, quanto para sua mãe e sua irmã. Ela percebe que sua dupla vitória com Peeta, foi fácil se comparada ao que ela ainda terá que enfrentar. Em uma forma de exibicionismo a Capital obriga os vencedores dos Jogos Vorazes a participar da Turnê da Vitória, em que o vencedor, nesse caso, vencedores dos Jogos, são apresentados oficialmente em cada distrito, e por último na Capital.

   A vitória de Peeta e Katniss nos jogos foi vista pelos moradores dos distritos de Panem como um ato de rebeldia, tenha sido intencional ou não, "a fagulha" como é chamada no primeiro exemplar dá início a uma onda de rebeldia que está se espalhando por toda Panem, e já existem rumores de rebeliões. Mas, para tentar conter a possível revolta contra a Capital, a 75º edição dos Jogos Vorazes, que será acompanhada do Massacre Quartenário, reserva terríveis surpresas.

   Em Chamas é um livro intenso, na melhor das hipóteses, o leitor fica completamente imerso nos acontecimentos e sente os conflitos internos dos personagem. Ao longo dessa leitura, eu fiquei tão envolvida pelo que acontecia (e por como acontecia) que tive que pausar a leitura por alguns minutos e tentar absorver a corrente de emoções que me invadiu, tamanha a intensidade da narração. Neste exemplar, a política é abordada de uma maneira mais crítica também, o que mais uma vez faz o leitor refletir sobre a forma que governo que enfrentamos diariamente. 

   Este livro é perfeito para quem terminou de ler Jogos Vorazes e ficou com um gostinho de quero mais, porém na medida que Jogos Vorazes deixou fagulhas de curiosidade quanto ao seu sucessor, Em chamas deixa o leitor a beira da obsessão pelo tão aguardado desfecho de todos os acontecimentos abordados ao longo do segundo volume, e principalmente no final.    

You Might Also Like

1 comentários

  1. Te citei aqui nesse post amiga, espero que goste <3
    http://alem-da-metamorfose.blogspot.com.br/2014/02/um-video-especial-para-todas-as-meninas.html

    ResponderExcluir

Subscribe