[Resenha] Social Killers - R. J. Parker e J. J. Slate

20:36

Nome: Social Killers
Autor (a): R. J. Parker e J. J. Slate
Nº de páginas: 272

Social Killers - Amigos Virtuais, Assassinos Reais é um livro assustadoramente verdadeiro. Seus autores, J. J. Slate e R. J. Parker, reúnem alguns dos casos mais angustiantes de criminosos que usaram as redes sociais para se aproximar de suas vítimas. Torturadores, stalkers, predadores sexuais, canibais, assassinos. A lista, infelizmente, não é pequena. E novas solicitações de amizade continuam chegando a cada dia.
Parker e Slate deixam claro que esse não é um fenômeno novo. Muito antes da internet, criminosos usavam classificados de jornal para descobrir e atrair suas presas. Mas o anonimato da web permite que cada vez mais lobos usem roupas de cordeiro nas suas fotos de perfil.
Mas existe luz no fim do túnel. Analisando mais de trinta casos famosos, os autores demonstram como as forças da lei estão usando, com sucesso, as novas ferramentas de comunicação para investigar e prender foras da lei e desmantelar quadrilhas. E ainda ensinam dicas de segurança. Social Killers – Amigos Virtuais, Assassinos Reais é um alerta para todos nós, que passamos tanto tempo conectados.

Já quero deixar claro que esse livro não possui histórias criadas para impressionar os leitores. Esse livro narra 33 casos reais de pessoas que usaram a internet para cometer crimes. Se você não gosta de livros baseados em fatos reais ou se impressiona fácil com aquelas reportagens sobre assassinatos, não leia esse livro!

SocialKillers.com é um tipo de antologia realista. Todas as histórias narradas são casos reais que realmente aconteceram, a maioria a pouco tempo. Mas os autores também nos apresentam alguns casos antigos, como um homem que escolhia suas vítimas através de um anúncio de emprego que colocou em um jornal.

Slate e Parker também alertam o leitor sobre o perigo de se expor na internet e como os psicopatas e assassinos podem se aproximar de uma possível vítima através de redes sociais como o Facebook e o Twitter. 

Os autores nos mostram que as pessoas que se expõe demais na internet são os alvos mais fáceis. Também dão dicas de como proteger seus filhos do mal que circula virtualmente e como proteger a si mesmos.

Achei esse livro uma leitura bem interessante pois gosto de ler sobre o assunto. Quem me conhece sabe como gosto de seriados policiais e ler sobre casos reais mexeu com a parte do meu cérebro que implora para ser detetive de homicídios (eu sempre digo a essa partezinha da minha mente que é perigoso demais  e realizo essa vontade de ser detetive através dos meus livros e contos).

Em resumo, a leitura é perfeita para os amantes do gênero. Se você está procurando uma leitura instrutiva e instigante (e, claro, se interessa pelo assunto) essa é a leitura perfeita.

You Might Also Like

0 comentários

Subscribe