[Resenha] Estilhaça-me #1 - Tahereh Mafi

06:00

Nome: Estilhaça-me
Título original: Shatter me
Editora: Novo conceito
Autor (a): Tahereh Mafi
Ano: 2012
Nº de páginas: 304
Trilogia: Estilhaça-me #1
Avaliação: 


Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser um guerreiro.














Viciante

          Tahereh conseguiu escrever uma história que tem romance e ação (mais ação que romance) que tem a capacidade de prender a atenção do leitor de um jeito diferente.
        
       Tudo o que Juliette mais quer na vida é ser amada por alguém, que demonstrem qualquer tipo de afeição por ela. Mas isso nunca aconteceu. Nem mesmo os pais dela demonstraram sentir amor por ela.
          Acontece que Juliette é diferente. Se alguém tocar nela, ou ela encostar em outra pessoa, esse alguém morre. Ninguém sabe o motivo, mas o toque de Juliette é mortal.
       
       Como o mundo está completamente destruído e O Restabelescimento está querendo reescrever a história destruindo tudo que existe (livros, fotos e até mesmo o idioma e a escrita), para recriar tudo, e pretendem usar o "dom" que Juliette tem contra os rebeldes.
          
          Porém, Juliette não vê isso que ela temcomo um dom, e sim como uma espécie de doença. Ela nunca quis machucar ninguém intencionalmente. Então, se volta contra O Restabelescimento e pretende fazer o que for possível para lutar contra eles.

           Agora vou fazer um breve resumo da parte do livro que é "romance": Adam é um dos soldados do Restabelescimento, mas antes de tudo isso, ele já conhecia Juliette e nunca teve medo dela (eles não se falavam antes, apenas meras troca de olhares).

             Essa história é muito bem escrita. Tahereh escreveu de uma maneira tão intensa, que você consegue sentir a confusão de sentimentos que Juliette sente. O segundo livro da trilogia é Liberta-me, e eu estou simplesmente mega curiosa para saber o que acontece na continuação. Quem é fã de distopias vai gostar desse livro. 

You Might Also Like

9 comentários

  1. Oie :)

    Eu amo distopias e estou doido para ler esse livro tenho certeza de que irei gostar muito !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Amo esse livro. Vc já leu Liberta-me? É simplesmente PER-FEI-TO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não li Liberta-me, mas quero muito ler.

      Excluir
  3. Distopias, eu amo. São os livros interessantes para se ler,na minha opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho as distopias mais interessantes para ler.

      Excluir
  4. Olá, indiquei você para uma tag lá no meu blog!

    http://lonelyfireflies.blogspot.com.br/2013/09/tag-incentivo-leitura.html

    Beijoss

    ResponderExcluir
  5. Estou no ultimo livro, contando que já li Destrua-me e Fragmenta-me.Todos os livros são a maravilhosos. Uma das melhores distopias que já li. Parabéns pela resenha, melhor forma de muitos saberem como esses livros são bons e merecem ser lidos

    ResponderExcluir

Subscribe